Alberto Santos-Dumont, uma vida à conquista do ar

A habilidade de voar sempre foi algo que nos fascinou e por longos anos investimos tempo e dinheiro para concretizar este sonho, contudo nada disto seria possível se não houvesse no coração dos homens daquela época a capacidade de pensar além do óbvio. Nos dias atuais diríamos que seria necessário pensar fora da caixinha e foi exatamente isto que eles fizeram.

Exemplo de dedicação, perseverança, desprendimento, generosidade e idealismo. Pensando assim podemos dizer que a aviação foi uma obra coletiva que teve um papel decisivo de um brasileiro que nasceu em Minas Gerais, Alberto Santos-Dumont, que dedicou a vida à conquista do ar e podemos dizer que conquistou muito além disto.

Santos-Dumont foi acima de tudo um sonhador e com persistência e entusiasmo transformou a história da aviação e da humanidade. Hoje personalidades como esta poderiam ser comparadas como visionária ou empreendedora, mas este brasileiro acumulou todos os adjetivos necessários para alcançar algo inacreditável que para os homens da época não era algo tão simples ou plenamente compreensível.

A tecnologia e a ciência estavam em pleno desenvolvimento, muitas mentes brilhantes habitavam nesta terra e o que hoje chamamos de ficção cientifica, eles ajudaram a se tornar realidade.
Foi assim que Santos Dumont voou em um balão batizado pelo nome de “Brésil” que em 1897 voou uma distância de 100 quilômetros em aproximadamente duas horas.


Entretanto, depois de longos anos e diversos protótipos construídos, foi em 1904 que o famoso 14-Bis conhecido como ” Oiseau de Proie” (Ave Rapina em francês) fez seu primeiro voo diante de uma plateia de aproximadamente 1000 pessoas.

Também se fazia presente uma Comissão Especial do Aeroclube da França, que testificou oficialmente este grande marco histórico: O primeiro voo do mais pesado que o ar. O 14-Bis percorreu 60 metros em 7 segundos, a uma altura de 3 metros do solo. Desde então Santos Dumont ficou conhecido como pai da Aviação.

Nesta época não apenas Santos Dumont, mas outros inventores também estavam criando outros protótipos de aeronaves que de certa forma acelerou o processo de desenvolvimento das aeronaves até o momento em que estamos vivendo hoje. Contudo nada disto ofusca o grande feito de Santos Dumont pois suas invenções tinham algo muito especial, que era a realização de um sonho. Em sua bibliografia este notável brasileiro se tornou símbolo de nossa aviação, nos ajudou a sonhar e construir aeronaves que até hoje cruzam nosso território e nos impulsionam a buscar novos ideais.

Nesta data, dia 20 de julho de 2020 comemoramos o aniversário deste grande e notável brasileiro, que podemos ficar horas e horas contando histórias, mas nesta oportunidade podemos dizer que o sonho é seguido por muito trabalho e perseverança e os exemplos deixados devem servir de combustível para construção de um brasil melhor

Por: Luiz Carlos Souza Ramos
@asashistóricas





Be the first to comment on "Alberto Santos-Dumont, uma vida à conquista do ar"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*