Terrorismo assimétrico na Europa na noite de ano novo; mais de 3 mil veículos incendiados e milhares de agressões

Imagem chocante dos incêndios no suburbio de Paris na noite de ano novo. Via AFP.

Mais uma vez, o terrorismo assimétrico, que é considerado como “problema social”, causa milhares de danos materiais, e mais milhares de agressões contra cidadãos pela Europa. Os números são alarmantes, e como sempre, os países campeões na quantidade de ocorrências policiais graves são a França e Alemanha, consequentemente os que mais receberam imigrantes ilegais nos últimos anos.

Na França, apesar dos mais de 100.000 policiais mobilizados para fornecer segurança durante as festividades de Ano Novo, pouco se concretizou por parte das forças de ordem para impedir mais uma tradição maldita da comunidade juvenil de origem afro-árabe islâmica na França, que é o incêndio de carros nas ruas e até mesmo de prédios públicos.

Somente na região de Paris metropolitana, 38.000 bombeiros profissionais e voluntários e cerca de 9.000 policiais foram empenhados nas festas de Réveillon. No entanto, um jovem foi morto na capital , na região de Trocadéro (Torre Eiffel), durante uma briga.

Milhares de ocorrências de agressões, roubos e tentativas de estupros foram registradas, mas os números exatos não foram divulgados pelas autoridades policiais de Paris e de outras regiões.

A situação que a tempos é considerada como uma variedade de terrorismo assimétrico por especialistas em segurança pública, ainda é qualificada como simples problema social pelos políticos e autoridades policiais de alto escalão.

O saldo de carros queimados e outros veículos aumentou em comparação com o ano anterior: Oficialmente são 1.131 veículos queimados identificados, diretamente ou por propagação. No ano passado foram oficialmente 935. O ministério prefere destacar os números de 2012 e 2013, mais altos (respectivamente 1.193 e 1.067 veículos afetados).

Apesar dos altos índices de ocorrências, apenas 510 pessoas foram detidas e 349 permaneceram presas pela polícia em todo o território da França metropolitana de acordo com o Ministério do Interior.

Nouvel an à Strasbourg : voitures brûlées, policiers et pompiers pris à partie

Nouvel an à Strasbourg : voitures brûlées, policiers et pompiers pris à partieEn savoir plus 📰 : https://francais.rt.com/france/69603-feux-voitures-policiers-pompiers-pris-a-partie-nouvel-an-anime-plusieurs-villes🔎 A Strasbourg, la nuit du 31 décembre au 1er janvier a été marquée par des violences urbaines. Comme chaque année, de nombreuses voitures ont été incendiées dans les rues de la ville, et policiers et pompiers ont été pris pour cible de jets de pétards.

Posted by RT France on Thursday, January 2, 2020

Informações dos Bombeiros e Sindicatos Policiais não coincidem com informações do governo e grandes mídias

De acordo com informações extraoficiais fornecidas pelos Sapeurs-Pompiers (Bombeiros), os números não refletem a realidade, e, é claramente manipulado pelo governo e grandes mídias, que insistem em minimizar o problema para não comprometer a imagem do governo e suas “politicas sociais” de apaziguamento.

Analizando as informações divulgadas por redes sociais e denúncias de bombeiros e policiais anônimos, a quantidade de veículos incendiados é pelo menos três vezes maior que o divulgado!

Os relatos dos bombeiros é de que em dado momento, os mesmos não podiam simplesmente atender mais tantas ocorrências de veículos incendiados, dando prioridade somente para ocorrências de incêndios em residências, ou, veículos de grande porte em regiões nas quais a Polícia estava disponível para fazer a escolta dos Bombeiros, já que os ataques contra os mesmos continua com grande violência por parte das gangues afro-árabes islâmicas que infestam os bairros das grandes cidades.

Também foram relatados diversos incêndios em residências, prédios públicos, comércios e bancos, entre outros, o que caracteriza uma possível ação coordenada planificada!

Diffusez massivement ces images, elles sont censurées par les grands médias ! Ces scènes de guerre civile à Strasbourg nous permettent légitimement de nous poser la question suivante : l’Etat est-il absent, impuissant ou complice ?

Posted by Gilles Pennelle on Wednesday, January 1, 2020

Outra característica dos acontecimentos são que os ataques ocorrem contra veículos de bairros de classe média baixa, e que não possuem habitantes de origem afro-islâmica. A situação é evidente de uma revolta de camadas da população que não fazem questão da convivência harmônica com os demais, visando somente cidadão nativos não oriundos do meio afro-islâmico.

Uma das comunidades que mais sofreu ataques nessa noite de ano novo de 2020 foram os asiáticos do 13eme arrondissement e indianos do 17eme arrondisement de Paris, nas demais cidades da França a preferência dos ataques é sempre contra a população francesa nativa de classe média/média baixa.

Alemanha campeã de violências de imigrantes ilegais contra mulheres

Na véspera de Ano Novo, cerca de mais de uma centena de agressores atacaram a Polícia e Bombeiros com fogos de artifício em várias grandes cidades da Alemanha.

Somente em Frankfurt, pelo menos três a quatro centenas de veículos foram incendiados na véspera de Ano Novo. Enquanto tentavam apagar os incêndios, os bombeiros foram alvos de ataques com fogos de artificio. Vários bombeiros ficaram levemente feridos, a polícia prendeu vários suspeitos, mas mais uma vez teve que liberar os detidos por falta de provas e/ou testemunhas.

Várias centenas de mulheres foram agredidas sexualmente e muitas estupradas, porém, os números das estatísticas continuam sendo maquiados de acordo com os sindicatos de polícia e ONG’s de direitos dos cidadãos, que denunciam o fato dos estupros somente serem considerados como tal depois de um rigoroso exame e atestação médica, e antes disso, o caso é inicialmente registrado apenas como averiguação de agressão!

A polícia prendeu vários suspeitos de agressões sexuais contra várias centenas de mulheres e homens, mas pouco pode ser feito se não ocorre um flagrante e/ou o reconhecimento pelas vítimas.

  • Com informações Radio France Inter, France 3, TL7, AFP, Le Progress via redação Orbis Defense Europe.
  • https://www.fnp.de/frankfurt/frankfurt-details-nach-silvester-randale-muelltonnen-roedelheim-angezuendet-zr-13412067.amp.html




Be the first to comment on "Terrorismo assimétrico na Europa na noite de ano novo; mais de 3 mil veículos incendiados e milhares de agressões"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*