US Customs CBP apreende milhares de documentos falsos despachados da China para os EUA

Algumas das Milhares de identidades falsas apreendidas na operação. Imagem via US Customs Border Control. Principal compradores são criminosos e terroristas em potencial.

Oficiais federais da US Customs and Border Protection (CBP) recentemente interceptaram mais de 15.000 carteiras de motorista falsas e mais de 13.100 cartões de identidade em branco, usados ​​para fazer carteiras falsificadas em Kentucky e New York, segundo a Alfândega e Proteção de Fronteiras dos EUA (CBP).

As identidades foram despachadas da China para vários locais em Nova York, informou a agência federal, acrescentando que as carteiras de motorista falsas foram apreendidas em um centro de Operações de Consignação Expressa de encomendas em Louisville, Ky. As licenças eram destinadas para vários estados, incluindo Flórida, Michigan, Illinois, Missouri, Nova Jersey e Ohio. Muitas estavam ocultas em encomendas comuns como tênis, roupas, utensilios diversos, entre outros produtos de importação corriqueira por correios.

As autoridades de Louisville notificaram os oficiais da CBP em Memphis, já que os cartões de identificação falsos também foram enviados para essa área, resultando em 1.527 carteiras de motorista falsificadas adicionais no Tennessee, disseram autoridades.

Um dos embarques apreendidos foi encaminhado para um estuprador infantil condenado na área de Nova York, segundo o CBP, que acrescentou que os investigadores suspeitam que o indivíduo atraia menores de idade com álcool e identidades falsas antes de se envolver em atividades ilícitas. A Segurança Interna e a Policia Estadual está investigando o caso.

As autoridades competentes que investigam o caso dos IDs falsos são frequentemente comprados e vendidos através de transações da “dark web” e o maior receio são, “ das principais preocupações relacionadas a documentos de identidade fraudulentos são roubo de identidade, proteção de infraestrutura crítica, fraude vinculada a crimes relacionados à imigração, como contrabando e tráfico de pessoas, e esses documentos podem ser usados ​​por indivíduos associados a terrorismo para minimizar o escrutínio das medidas de controle de viagens ”.

De acordo com as autoridades competentes dessa investigação dos EUA, a China é atualmente o maior fornecedor de documentos falsos de alta qualidade para o mercado negro via dark web, e, os maiores compradores são elementos oriundos do Oriente Médio e Africa que tentam se passar por naturais dos EUA, Canada e Europa mundo afora.

Esse aumento de apreensões de remessas de documentos falsos para vàrios destinos dos EUA é coincidentemente proprocional ao aumento da imigração clandestina de populações do Oriente Médio e Africa para a Europa, Canadà e EUA, desde os anos 2000.

  • Com informações Fox News, NY Post e Reuters via redação Orbis Defense Europe.


Be the first to comment on "US Customs CBP apreende milhares de documentos falsos despachados da China para os EUA"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*